Pneumonia e leptomeningite criptocócica em felino: relato de caso

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Débora Quioqueti de Souza Franco
Gabriela Bócoli Martins de Oliveira
Ana Carolina de Souza Luiz
Lucas Bessa
Poliana Silva Beker dos Reis
Lídia Hilderbrand Pulz

Resumo

A criptococose é uma doença fúngica infecciosa, tegumentar e/ou sistêmica, crônica, de distribuição global, causada por levedura sa­próbia do gênero Cryptococcus que pode infectar humanos, animais silvestres e mamíferos domésticos, especialmente felinos domésticos. Duas espécies estão mais diretamente envolvidas com a doença: o Cryptococcus neoformans e o Cryptococus gattii, porém pacientes imunocomprometidos têm, como principal causador, o Cryptococcus neoformans. Todavia, O Cryptococcus gattii, além de afetar hospedei­ros imunossuprimidos, também pode causar a doença em indivíduos imunocompetentes. Este relato apresenta os achados clínicos e o diagnóstico firmado com o exame histopatológico de um caso de pneumonia e leptomeningite criptocócica em um felino, macho, sem raça definida, de cinco anos de idade, atendido no Hospital Veterinário “Dr. Vicente Borelli” – do Centro Universitário da Fundação de Ensino Octávio Bastos (Unifeob).

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
FRANCO, D. Q. DE S.; OLIVEIRA, G. B. M. DE; CAROLINA DE SOUZA LUIZ, A.; BESSA, L.; SILVA BEKER DOS REIS, P.; HILDERBRAND PULZ, L. Pneumonia e leptomeningite criptocócica em felino: relato de caso. Revista de Educação Continuada em Medicina Veterinária e Zootecnia do CRMV-SP, v. 17, n. 2, p. 14-22, 5 ago. 2019.
Seção
CLÍNICA DE PEQUENOS ANIMAIS