Obstrução gástrica parcial por semente de cajarana (Spondias sp.) Em filhote de cão: relato de caso

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

M. O. Freitas
C. P. Landim
C. V. S. Sousa
A. K. G. Nunes
J. A. P. Silva
Z. J. Souza Júnior
L. C. V. Medeiros
A. A. Dutra
K. D. S. Oliveira
L. C. A. Pinto
J. M. A. P. Antunes

Resumo

Corpo estranho gástrico é qualquer material ingerido que não pode ser digerido, ou quando sua digestão é lenta. Devido à obstrução parcial ou total do fluxo dos alimentos os animais acometidos, pacientes apresentam vômito, distensão gástrica, e irritação da mucosa, contudo também há casos assintomáticos. Os filhotes são os mais acometidos. O diagnóstico baseia-se nos sinais clínicos, complementados com a ultrassonografia e/ou radiografia contrastada. O tratamento baseia-se na localização, tamanho e forma do corpo estranho, e sua retirada pode ser obtida com o uso de pró- -eméticos, endoscopia, e em casos mais graves, com a realização de intervenção cirúrgica. Este trabalho relata um caso de obstrução gástrica parcial em um cão jovem que ingeriu uma semente de cajarana, cuja árvore (Spondias sp.) é bastante comum na região semiárida.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Seção
VII SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE DIAGNÓSTICO POR IMAGEM VETERINÁRIO (SINDIV)