Colaboração do exame ultrassonográfico no diagnóstico de hérnia diafragmática em um cachorro-do-mato (Cerdocyon thous, Linnaeus, 1766)

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

R. F. Cunha
B. S. Wartchow
T. T. Silva
B. K. S. Rosa
A. M. C. Junqueira
M. O. Soriano
F. Teixeira
M. P. Ferreira
P. M. C. Costa
B. Z. Silva
M. M. Alievi

Resumo

A hérnia diafragmática é caracterizada pela passagem das vísceras abdominais para a cavidade torácica, após a ruptura do diafragma. A causa mais comum de hérnia diafragmática em cães e gatos são acidentes automobilísticos. Do mesmo modo, os cachorros-do-mato (Cerdocyon thous) também são vítimas frequentes desses acidentes, pois estão cada vez mais próximos do convívio com o homem. O exame radiográfico, geralmente, é a primeira escolha de exame de imagem em animais com suspeita de ruptura diafragmática. Existem poucos relatos de casos diagnosticados com o emprego da ultrassonografia, entretanto, esta técnica pode ser útil quando não for conclusivo o diagnóstico por meio do exame radiográfico. Este trabalho relata um caso de hérnia diafragmática em cachorro-do-mato (C. thous) diagnosticada por meio de ultrassonografia.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Seção
VII SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE DIAGNÓSTICO POR IMAGEM VETERINÁRIO (SINDIV)