Análises de resíduos de antibióticos em leites de búfala em laticínio sob supervisão federal

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

R. L. Bailone
H. C. S. Fukushima
R. O. Roça

Resumo

Atualmente, o mercado de leite e de seus derivados têm estado em destaque nas mídias nacionais e internacionais devido ao uso de substâncias proibidas e/ ou com restrições de uso. O Ministério da Agricultura trabalha no combate ao uso impróprio desses produtos químicos nos alimentos e o Serviço de Inspeção Federal (SIF) é o responsável por essa inspeção e fiscalização dos produtos de origem animal no âmbito federal. O atual estudo de caso foi realizado em estabelecimento beneficiador de leite de búfala sob supervisão do SIF com ênfase em produção de seus derivados, tais como queijo muçarela e ricota. Foram analisadas 56 amostras de leite provenientes de seis fazendas durante todos os meses de janeiro de 2015 a março de 2016 pela metodologia Kit Delvo Test (PO ANA 003), na Clínica do Leite, da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiróz (ESALQ) da Universidade de São Paulo (USP), como parte do monitoramento oficial realizado pelo SIF. Os resultados obtidos confirmaram a ausência de antibióticos em todas as amostras analisadas. A conclusão obtida foi que produtores estão cumprindo a legislação vigente e que o monitoramento oficial é eficaz no combate ao uso inadequado dessas substâncias. 

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
BAILONE, R. L.; FUKUSHIMA, H. C. S.; ROÇA, R. O. Análises de resíduos de antibióticos em leites de búfala em laticínio sob supervisão federal. Revista de Educação Continuada em Medicina Veterinária e Zootecnia do CRMV-SP, v. 14, n. 3, p. 81-81, 21 dez. 2016.
Palavras-chave
contaminantes; inocuidade alimentar; lácteos; monitoramento; qualidade
Seção
III SIMPÓSIO DE QUALIDADE DO LEITE