Métodos para avaliação da mineralização óssea de eqüinos em crescimento

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Claudia Ehlers Kerber

Resumo

Algumas das principais doenças em equinos estão relacionadas aos membros locomotores, as quais podem advir de traumas ou distúrbios ósseos principalmente durante a fase de crescimento. No Estado de São Paulo, o desenvolvimento de pastagens com características tropicais, as alterações sazonais e a tendência à grande concentração de animais em pequenas propriedades resultam, frequentemente, no aparecimento de distrofias ósseas, muitas vezes subclínicas, que depreciam o valor econômico dos equinos e limitam a sua capacidade de trabalho. O diagnóstico precoce dos desequilíbrios minerais assume grande importância na medida em que os distúrbios ósseos podem ser reversíveis se a causa for corrigida rapidamente. O autor faz uma revisão da fisiologia, da patofisiologia do osso, dos métodos de diagnóstico disponíveis e sugere o uso da dosagem da excreção fracional de fósforo como uma técnica de boa sensibilidade, precocidade, baixo custo e aplicabilidade para avaliar o nível de reabsorção do cálcio e do fósforo do tecido ósseo. 

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
KERBER, C. E. Métodos para avaliação da mineralização óssea de eqüinos em crescimento. Revista de Educação Continuada em Medicina Veterinária e Zootecnia do CRMV-SP, v. 2, n. 1, p. 17-25, 1 fev. 1999.
Palavras-chave
cálcio; fósforo; clearance; osso; equinos
Seção
GRANDES ANIMAIS - EQUINOS