Parâmetros eletrocardiográficos em bovinos da raça Jersey

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Rodrigo Barroso Nunes
Caio Filipe Xavier Ferreira
Rafael Moraes Aboin
Héric Garcia de Deus
Mere Erika Saito
Letícia Andreza Yonezawa

Resumo

Os animais da raça Jersey são muito utilizados para a produção de leite, podendo chegar a idades bastante avançadas, e possuem um valor zootécnico cada vez maior devido aos avanços genéticos na bovinocultura. Deste modo, foi realizado um estudo eletrocardiográfico em bovinos da raça Jersey, com para o estabelecimento de um padrão eletrocardiográfico para a raça. Para isso, foram realizados eletrocardiogramas de 50 novilhas da raça Jersey com idade média de um ano e peso médio de 263,8 ± 41,2 kg. Os traçados foram obtidos utilizando-se a técnica de derivação de membros ou plano frontal, nas derivações DI, DII, DIII, aVR, aVL e aVF. Os registros foram padronizados com sensibilidade de 0,5 mV/cm (2N) e velocidade de 25 mm/s para avaliação do ritmo, eixo elétrico e frequência cardíaca, e de 50 mm/s em DII para mensurar a duração e amplitude de ondas e intervalos. O ritmo cardíaco encontrado em todos os animais foi o ritmo sinusal normal. A maioria dos animais (72%) apresentou eixo elétrico no intervalo de +120 a +180º. A frequência cardíaca média foi de 79,2 ± 8,9 batimentos por minuto. A onda P apresentou duração média de 0,06 ± 0,02 s e amplitude de 0,08 ± 0,05 mV. Na maioria dos animais (82%), a morfologia encontrada foi única positiva, ao passo que em 18% das novilhas, encontrou-se onda P bífida. O intervalo PR apresentou duração de 0,18 ± 0,03 s. O complexo QRS teve duração de 0,11 ± 0,02 s, a onda Q teve amplitude de 0,24 ± 0,18 mV, a onda R, de 0,18 ± 0,11 mV, enquanto que a onda S geralmente encontrou-se ausente. A onda T esteve presente, porém variou bastante, tanto em duração, amplitude e morfologia. A duração média do intervalo QT foi de 0,36 ± 0,04 s. Assim, pôde-se concluir que a técnica de derivação de membros é fácil de ser executada e adequada para a raça, o que garantiu a padronização dos parâmetros eletrocardiográficos para a raça Jersey.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
NUNES, R. B.; FERREIRA, C. F. X.; ABOIN, R. M.; DEUS, H. G. DE; SAITO, M. E.; YONEZAWA, L. A. Parâmetros eletrocardiográficos em bovinos da raça Jersey. Revista de Educação Continuada em Medicina Veterinária e Zootecnia do CRMV-SP, v. 12, n. 3, p. 94-94, 6 mar. 2015.
Palavras-chave
eletrocardiograma; novilhas; coração
Seção
RESUMOS CONBRAVET